Logo Baru Observatório

Lula quer demarcar 8 territórios indígenas até o final do ano

As duas demarcações previstas para última terça-feira (05) foram feitas: Rio Gregório, em Tarauacá (AC), e Acapuri de Cima, em Fonte Bia (AM)

Diário da Manhã

08 de setembro de 2023

Compartilhe nas redes sociais


		Lula quer demarcar 8 territórios indígenas até o final do ano
Foto: Reprodução/ Ministério dos Povos Indígenas. João Paulo Vilas Boas

Nesta semana a ministra Sonia Guajajara (Povos Indígenas) pronunciou que o então presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), pretende demarcar 8 terras indígenas até o final do ano. As duas demarcações previstas para última terça-feira (05) foram feitas: Rio Gregório, em Tarauacá (AC), e Acapuri de Cima, em Fonte Bia (AM).

A cerimônia foi feita no Palácio do Planalto e também contou com a presença da presidente da Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai), Joenia Wapichana, e também de outros ministros como: a ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, da ministra da Igualdade Racial, Anielle Franco, ministro da Justiça, Flávio Dino, ministro do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar, Paulo Teixeira, além também de lideranças indígenas.

A ministra Sonia Guajajara, quer estabelecer uma relação que seja mais harmoniosa, "do jeito que está, muitas vezes acaba sendo perigoso para os indígenas que estão nas áreas que estão em processos demarcatórios", destaca a ministra.

No mês de junho, a então presidente da Funai, Joenia Wapichana, fez uma declaração enfatizando que a priorização na demarcação de terras indígenas no país é uma das principais diretrizes da reestruturação da política indigenista.

A presidente da Funai ainda destaca que, "essa terra serve para promover a vida dos povos indígenas. A partir do direito à terra é que vem outros direitos sociais, que vem a saúde, educação, a forma de mantermos a cultura".

© 2024 Baru Observatório - Alguns direitos reservados. Desenvolvido por baraus.dev.