Logo Baru Observatório

Trator em área de desmatamento ilegal no Cerrado

Tratorista disse saber que não poderia estar 'destruindo a natureza' em uma cidade do Piauí, mas disse que precisava trabalhar para sobreviver, e que outros desmatariam da mesma forma

Baru Observatório

12 de julho de 2023

Compartilhe nas redes sociais

G1

Em Santa Filomena (PI), a reportagem do Profissão Repórter flagrou uma área de uma fazenda grilada que estava sendo desmatada no exato momento em que os repórteres estavam na região. A edição desta terça-feira (11) mostrou os impactos do desmatamento e da grilagem no Piauí e no Tocantins.

A reportagem chegou à sede da fazenda Kajubar, de propriedade de Euclides de Carli. No local, algumas casas serviam de instalação para as pessoas que trabalham na fazenda, conforme o encarregado, Vagner Marques de Menezes. Onze pessoas trabalhariam ali, segundo ele.

Uma delas estava na condução do trator enquanto a reportagem do Profissão Repórter estava no local, terminando de remover a área anteriormente desmatada. Perguntado sobre o que estava fazendo naquele momento, ele não se furtou a responder.

Estou inerando. (...) Inerando é para plantio, né”, contou o tratorista Joel Costa Bezerra.

Questionado sobre não poder estar desmatando aquela área, ele tentou argumentar.

O Ministério Público informou à Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos ter conhecimento de uma série de irregularidades e violações à lei de registros públicos. De acordo com um representante da Semarh, “causa estranheza que essas licenças tenham sido concedidas pelo órgão ambiental do estado do Piauí”.

Assista o programa completo no link:

Flagrante mostra trator trabalhando em área de desmatamento ilegal no Cerrado | Profissão Repórter | G1 (globo.com)

© 2024 Baru Observatório - Alguns direitos reservados. Desenvolvido por baraus.dev.